Diario de intercâmbio: OXFORD

FINALMENTE!!!!

Gente, esse é o 49182764589136 vídeo que fiz sobre Oxford! Juro que tentei deixar o menor possível e ao mesmo tempo sem deixar de compartilhar tudo que queria do meu intercâmbio com vocês. Como disse nesse post, quis fazer esse video bem mais “Oxford”, mostrando meu dia a dia.

Espero que não tenha ficado cansativo, fiz um com 18 minutos para mim (tou dizendo que vou me empolgando achando que é um filme), e desse eu tirei algumas partes até ficar com 10 minutos pra vocês ❤ Tentei tirar ao máximo aquelas partes que só eu entendo/acho graça apesar de ainda ter muitos vídeos de momentos que talvez nem todo mundo entenda. Queria poder ficar pausando e narrando pra vocês (assim como fiz com todo mundo -amigos e família guerreiros!- que eu coloquei pra assistir antes de publicar), mas ia ser bizarro. Então, sintam-se a vontade pra perguntar aqui nos comentários qualquer coisa que quiserem saber. Vocês já devem ter percebido que eu amo falar/escrever e vou adorar contar detalhes sobre vídeos/fotos que coloquei no vídeo.

SAUDADES…

Espero que gostem e que esse vídeo influencie muita gente a fazer um intercâmbio.

Alguém aí ainda tem dúvidas que é a melhor coisa da vida?

 

Beijos e até a próxima!

Anúncios

O que levar para a host family?

Malas prontas. Documentos devidamente guardados. Tudo perfeitamente pronto para partir. E aí, você mais uma vez reformula na sua cabeça como vai ser quando conhecer a host family:

“Ah, eles vão ser bem legais. Vão se apresentar, e logo após, se oferecer para pegar minhas malas. Oferecerão água e algo para comer. Também vão perguntar como foi o voo e se estou sentindo o fuso horário. Aí eu vou me acomodar no quarto, abrir as malas e… EITA! As lembrancinhas, era isso que faltava!

O que levar? Será que vão gostar? Mas eu nem sei se eles gostam de usar esse tipo de camisa, ou esse tipo de sandália! Será que eles comem doce? Bebem bebida alcoolica? Mas se não gostarem de nada que eu levar?

Dilema de todo intercâmbista.

Eu, assim como todos os outros, recebi uma cartinha/email falando sobre minha host family. A idade de cada um, a área de trabalho dos meus pais, os hobbies dos meus irmãos. Enfim, assumo que mesmo com aquilo em mãos me senti perdida na hora de escolher o que levar, afinal, queria causar uma boa impressão. Depois de muito conversar com intercâmbistas e com a minha família, decidi levar para meus dois irmãozinhos (8 e 5 anos) uma bola de futebol e um quebra cabeça do Romero Britto, para minha irmãzinha (10 anos) duas meias da Pucket (clica aqui), já que lá faz bastante frio e eles costumam andar de meia em casa. Para minha host mom levei um jogo americano com tema tropical (arara azul, coqueiros e afins), e para meu host father levei um livro em inglês sobre o Brasil (um achado!).

Mas, para facilitar a vida de vocês, principalmente se você deixou isso para última hora, aqui vai uma listinha com coisas que acho legal para levar para a host family:

  1. Doces/chocolates típicos: bolo de rolo, sonho de valsa e bis.
  2.  Cachaça: Santa dose e Pitu.
    Ao contrário do que muitos pensam, os gringos são loucos (ou pelo menos desejam provar) a tão falada cachaça! Afinal, é uma das primeiras coisas que eles relacionam quando conhecem algum brasileiro… Nada mal levar e preparar uma boa caipirinha para impressionar a família.
    -Hey, where are you from?
    -Brazil
    -Brazil?! Beautiful girls, Neeeeymar, futebol, caipirinha, hot beaches!
    QUEM NUNCA?
    Cachaça-Brasileiras
  3.  Camiseta e havaianas com a estampa do Brasil:

     

  4. Livros sobre o Brasil:
    Comprei na livraria do aeroporto por sorte! Mas já dei uma procurada e achei algumas opções na Saraiva (clica aqui), mas também devem ter várias opções no Amazon, então não deixa de dar um olhadinha na hora de procurar um com valor acessível.
  5. Pulseirinhas de praia: estava um dia na Pracinha de Boa Viagem (Recife-PE) com minhas amigas, eis que vejo várias pulseirinhas. Tinha com a bandeira do Brasil (como a da foto), com o nome BRASIL e com o nome RECIFE. No intercâmbio da Flórida era o que mais tinha: brasileiros usando alguns modelos dessas pulseiras e professores que ganharam usando de enfeite para a sala de aula. Era uma das coisas que eu queria ter levado e acabei não encontrando pra vender.pulseira-com-a-bandeira-do-brasil.jpg

Espero que tenham gostado! Se tiverem mais alguma dica, me mandem por email ou comentem aqui embaixo, porque se aparecerem mais ideias legais eu posso fazer outro post sobre isso.

Beijos e até a próxima!